quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Por quê as coisas são tão difíceis? Porque quando o que se mais quer é acabar de vez com tudo, as lembranças se fixam a nossa mente, mesmo que elas são sejam tão importantes assim nesse momento? Se pudessemos apagar com borracha, se pudessemos cancelar tudo de vez, sem deixar marcas, seria bem melhor, bem menos sofredor. Algumas coisas não deveriam nem mesmo aparecer, nem começar...

Aninha B.

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

A unica coisa que eu esperava de ti era um chamado, algo que me chamasse atenção, que me tirasse o fôlego. Com tudo o que vem acontecendo, eu apenas queria atitudes tuas que me revirasse, algo que comprovasse algum sentimento teu por mim. Mas nada aconteceu, nada mudou. Eu sei que eu ando vacilando comigo mesma, e por mais que a história tenha mudado, rastros teus estão presentes em mim. A espera ela é longa, é falsa e muitas vezes nem existe, são apenas ilusões. Expectativas que nós mesmo criamos.

Aninha B.

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

É uma coisa esquisita, uma vontade sei lá de quê... quando é que saberei se a escolha foi certa ou errada?

Aninha B.

domingo, 17 de julho de 2011

''Aquilo que você afirma amar, vai ser testado pelo que você está disposto a sofrer! Se você não está disposto a sofrer,desista de amar!''
Contidamente, continuamos. E substituímos expressões fatais como ''não resistirei'' por outras mais mansas, como ''sei que vai passar''

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Wilson: A cirurgia começa daqui a 2 horas, quero que você esteja do meu lado.
House: Não.
Wilson: Por quê?
House: Porque se você morrer ficarei só.

Dr. House, 6 temporada.
E virão dias de lutas, dias para se pensar e decidir um caminho a ser tomado. O óbvio é que existirão dois ou mais caminhos a se seguir, e escolhendo-se um, os demais ficaram para trás. O futuro nos dirá e nos permitirá vê se tomamos a escolha certa. Uma hora entenderemos, e mesmo quando tudo estiver errado, perceberemos que apesar de tudo, seguimos nossos extintos...talvez tudo se encaixe mais tarde.

Aninha B.

domingo, 10 de julho de 2011

No fundo no fundo, todo o mundo procura a sua felicidade. Andei pensando e cheguei a conclusão de que isso é uma espécie de jogo, onde cada um busca os seus ideais... Funciona da seguinte forma: As pessoas usam algumas armas, se escondem em palavras, ações e sentimentos, mas se sentem realizados quando encontra essa meta. Uns por ter dinheiro, outros por terem família, outros por serem bem sucedidos no trabalho, e outros por fazer os outros infelizes. Vai saber, né?

Aninha B.

quinta-feira, 7 de julho de 2011

É preciso abandonar algumas manias, mudar a rotina, trocar o modo de agir. Algumas pessoas chegam pra mim e perguntam ''por quê você faz dessa forma?'' a resposta é simples: chega uma hora que a pessoa cansa, e desde então, todos os meus atos bem antes de serem tomados são estudados pelas consequências.

Aninha B.

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Poucas pessoas sabem, mas a palavra " amor " é derivada da palavra " morte ". Quando você diz a uma pessoa " eu te amo ", é como se estivesse dizendo " eu morreria por você ''.

quarta-feira, 22 de junho de 2011

''Chore, grite, ame, e diga que valeu, que doeu, que daqui pra frente só vai melhorar. Perdoe, insista, respeite, ame novamente.. Lembre-se que amanhã pode ser muito tarde. Muito tarde para perdoar, pra dizer 'eu te amo', muito tarde pra dizer volte pra mim.. Não leve a vida tão a sério. Descomplique, quebre regras, perdoe rápido, ame de verdade, ria descontroladamente e nunca lamente nada que tenha feito você sorrir''.

sábado, 11 de junho de 2011

O de sempre.

Às vezes a gente esquece o somos, o que fazemos, como agimos. Acontecimentos inesperados vem em nossa vida e nos trava. Mudar por uma pessoa não vale a pena, eu acho que quem gosta não precisa de motivos para a mudança, apenas completa. Todo humano tem defeitos e qualidades, e isso ninguém pode mudar. A gente faz ao máximo pra ser notado, faz coisas que não faria, trama coisas especiais e minuciosas. É complicado quando tudo isso não é recompensado... é como se tudo o que você fizesse não importasse, não valesse. E é como dizem por aí, por mais que você se importe, algumas pessoas simplismente não se importam.

Aninha B.

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Algumas coisas por mais que você tente explicar nunca chegam em uma conclusão exata. São apenas inesplicáveis. E é por isso que as pessoas jugam... por não saber com exatidão, por não sentir. Por dentro é uma combustão de sentimentos, de momentos, de idéias e de possíveis dúvidas, mas no fundo quem está passando por tudo isso sabe o que quer. Pode não ser a coisa mais certa a se fazer, mas a verdade é que nunca é 50% de dúvidas. Sempre tem um lado que é mais... Atrapalha porque deixa-se levar por conselhos distantes.

Aninha B.

domingo, 5 de junho de 2011

Ouvi um velhinho dizer: “Amei a mesma mulher durante 50 anos”… Pensei: “ai que fofo”, até que ele disse: ”Queria que ela soubesse disso”.
Conto nos dedos os que valem.

sábado, 4 de junho de 2011

Sabe o irônico da vida? É está rodiado com pessoas e pedir para que elas não dirigirem a palavra, é ser estupido e pedir educação, é ser pirralho e exigir maturidade, é ser infiel e pedir confiança, é ter rancor e pedir sorrisos, é ter maldade e erguer a bandeira da paz. É não saber ouvir e pedir socorro, é não sentir e pedir pra ser lembrado, é não doar e questinar. É... não dá e querer receber.

Aninha B.

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Não há causa perdida se existir um único tolo que lute por ela.
Davy: Você teme a morte?
Jack: E você? é inebriante segurar a vida e a morte na palma da sua mão.

Piratas do Caribe- No Fim do Mundo.

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Eu já cheguei a conclusão que todas as minhas atitudes no futuro me aguarda com um preço a pagar. Eu sei que não dá pra ser feliz o tempo todo, eu também sei que tudo isso é passageiro. Eu precisava deixar algumas manias de lado e enfiar a cara... o problema é que quando a gente fica desse jeito, cada passo que a gente dá, é inseguro, é incerto, quando o medo de dá errado aparece. Talvez eu tenha começado tudo novamente, e de tanto tentar, eu não lembrei que afundar nisso pode me trazer dores prematuras, percas e uma amizade. O que escolher? O certo ou o duvidoso?

Aninha B.

terça-feira, 31 de maio de 2011

"Então Charlie Brown, o que é amor pra você?
- Em 1987 meu pai tinha um carro azul.
- Mas o que isso tem a ver com amor?
- Bom, acontece que todos os dias ele dava carona pra uma moça. Ele saía do carro, abria a porta pra ela, quando ela entrava ele fechava a porta, dava a volta pelo carro e quando ele ia abrir a porta pra entrar, ela apertava a tranca. Ela ficava fazendo caretas e os dois morriam de rir.
... Acho que isso é amor."

A banda mais bonita da cidade.

Meu amor, essa é a última oração pra salvar seu coração, coração não é tão simples quanto pensa, nele cabe o que não cabe na despensa, cabe o meu amor, cabem três vidas inteiras, cabe uma penteadeira, cabe nós dois. Cabe até o meu amor. ♪
-Às vezes sinto falta de mim.
-Eu também, menina.
-Sente falta de si?
-Não, de você. E dói.

No Matter What.

I need you right here, by my side
You're everything i'm not in my life.
We're indestructable, we are untouchable
Nothing can take us down tonight
You are so beautiful, it should be criminal
That you could be mine.

And we will make it out alive
I'll promise you this love will never die!

No matter what, i got your back
I'll take a bullet for you if it comes to that
I swear to god that in the bitter end
We're gonna be the last ones standing

So believe me when i say, you're the one
They'll never forgive us for the things we've done

And we will make it out alive
I'll promise you this love will never die!

No matter what, i got your back
I'll take a bullet for you if it comes to that
I swear to god that in the bitter end
We're gonna be the last ones standing
We'll never fall, we'll never fade
I'll promise you forever and my soul today
No matter what until the bitter end
We're gonna be the last ones standing

And everybody said that we would never last,
And if they saw us now i bet they'd take it back
It doesn't matter what we do or what we say
Cause nothing matters anyway!

No matter what, i got your back
I'll take a bullet for you if it comes to that
I swear to God that in the bitter end
We're gonna be the last ones standing
We'll never fall (we'll never fall) we'll never fade (we'll never fade)
No matter what until the bitter end

domingo, 29 de maio de 2011

Uma hora ou outra a mudança ela é feita. E sabe o interessante? Acontece quando você menos espera. Vem de uma forma boa, serena, não com ingenuidade, pelo contrário, com uma pitada de insanidade. Novos passos nos trás novas metas!

Aninha B.

quarta-feira, 25 de maio de 2011

A melhor coisa do mundo é está rodiado de pessoas que estão felizes com você e que compartilham isso. É olhar para os lados e sentir-se segura do que faz, é abrir um sorriso sem motivo. É buscar as respostas com o olhar, e vê que não precisa-se de voz para satisfazer o que sente.

Aninha B.

sábado, 21 de maio de 2011

''No início há quem te chame de sonhador, de louco. Há momentos dificies que realmente derrubam e nos deixam de cara com tudo... Mas você levanta, ergue a cabeça e a alegria te atinge com força...feito um meteoro. O jogo do amor recomeça e a vida te pergunta: Aqui é o seu lugar? São desafios e provas a cada dia...''

segunda-feira, 16 de maio de 2011

''Eu acho assim, se quer saber se ele realmente vale a pena é só observar como ele olha para você. Se ele olha do pescoço para baixo sai fora, mas se olha do pescoço para cima ou melhor dizendo para os olhos, ele pode ser o homem da sua vida''.
É melhor um momento quase perfeito do que dois estragados.

Aninha B.

domingo, 15 de maio de 2011

''Então delete, tudo aquilo que não valeu a pena. Quem mentiu, quem enganou seu coração, quem teve inveja, quem tentou destruir você, quem usou máscaras, quem te magoou, quem te usou e nunca chegou a saber quem realmente você é''.

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Sou cheia de manias, tenho carências insolúveis. Sou teimosa. Hipocondríaca. Raivosa, quando sinto-me atacada. Não como cebola. Só ando no banco da frente dos carros. Mas não imponho a minha pessoa a ninguém. Não imploro afeto. Não sou indiscreta nas minhas relações. Tenho poucos amigos, porque acho mais inteligente ser seletiva a respeito daqueles que você escolhe para contar os seus segredos. Então, se sou chata, não incomodo ninguém que não queira ser incomodado Chateio só aqueles que não me acham uma chata, por isso me querem ao seu lado. Acho sim, que, às vezes, dou trabalho. Mas é como ter umRolls Royce: se você não quiser ter que pagar o preço da manutenção, mude para um Passat…

(Fernanda Young)

''Eu tô me livrando de tudo que me incomoda, de tudo que me faz mal. Eu quero renovações, recomeços. Quero ideias novas, sentimentos novos, pessoas, sorrisos e lembranças novas. Não quero mais nada que me faça voltar ao que ficou, ao que sobrou, ao que não me convém mais. Chega de passado. De rostos conhecidos, de sentimentos vencidos… chega; Tenho urgência de me sentir nova''.

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Normalmente, quando rimos é porque estamos felizes, quando choramos é porque estamos tristes. Porém, as pessoas não sabem que por trás de um sorriso pode-se existir tristeza, desespero... e por trás de uma lágrima, as lembranças, as emoções. É difícil quando se omite, mas quase sempre é o necessário, quase sempre é o mais certo a fazer.

Aninha B.

Relatos...

Às vezes eu começo a agir como se ainda tivesse você aqui, é como que de uma forma ou de outra, tivessemos ligações ainda. Você não sabe, mas quando eu disse adeus, o meu intimo gritava pra te ter novamente, porém, com toda insegurança te deixei escapar de mim. Eu não quero parecer exagerada, mas você faz falta. Era bom quando eu sentia que tudo era recíproco, era bom quando eu te tinha aqui.

Aninha B.

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Eu sinceramente carregaria tua dor mesmo sem poder, só para que você não a sentisse.

segunda-feira, 2 de maio de 2011


Aqueles que nos amam nunca nos deixam de verdade. (Sirius Black)
5 idiotices que você já fez:

1. Ficar entortando aquele lápis verde, e quebrar.

2. Abrir uma nova guia na internet e esquecer o que ia fazer.

3. Gritar “Aeeeee” quando a luz acaba.

4. Fazer a proeza de enfiar o dedo no próprio olho sem querer.

5. Antes de ir dormir, contar quantas horas vai ter de sono até ter que acordar.


Quando alguém me diz “Fale um pouco de você”

Eu fico tipo: O que eu falo?



“AAH MEU DEUS, QUEM EU SOU?”


E, o amor é assim: você conhece alguém. Você e esse alguém começam a conversar. Começam a rir juntos de coisas bobas, e, com o tempo, você começa a lembrar daquela pessoa em qualquer coisa, você tropeça na rua, e por algum motivo, lembra dela. Você se apaixona. Tudo pra você muda, toda a sua perspectiva de vida é mudada, o mundo parece até mais colorido. E, tudo, pra você e pra ela, passa a ser compartilhado. Desde sorrisos até alegrias. Não é mais apenas “você”, é você… E ela. Ou, nos piores casos, ela e você, o você vindo depois, em segundo plano. É aí que mora o perigo. Brigas são normais… Porque é isso que você faz quando você quer alguém… Você briga. E eles se queriam, até demais. Conseqüentemente, com o tempo, tudo fica mais difícil, mas foda-se, qual seria a graça se fosse fácil?Certamente nenhuma. Só que, às vezes… Ela se cansa. Às vezes, ele se cansa. E, no pior dos casos, nenhum dos dois se cansa, mas eles terminam. Foi isso que aconteceu, e até hoje… Ninguém sabe o por quê. Talvez nunca irão descobrir, o por quê… Por quê de se amarem tanto, se quererem tanto, mas não se acertarem. É um mistério. De qualquer forma, vem o fim. O fim, que é sempre mais certo do que qualquer outra coisa, cedo ou tarde, chega. Não o fim, tecnicamente falando, porque eles sempre estariam conectados, querendo ou não. Apenas acredite em mim: a sensação do fim poderia ser comparada a você arrancando seu coração pela boca e o apertando até que ele explodisse. Não. Errado. Fazer isso doeria bem menos. E, sabe o que é engraçado? Que, o tempo que você passa sofrendo é o dobro, o triplo do tempo que você passa amando. Tem muito mais pra se falar sobre dor do que sobre amor. Mas, voltando… Esse tal fim, só é visto pelos outros. No coração de quem ama, ele nunca existiu nem nunca vai existir. O que, sim, existe, é a espera e aaceitação. A espera, entretanto, talvez seja ainda mais dolorosa do que o fim. O fim é como “ei, acabou, siga em frente com a sua vida”, enquanto a espera é “talvez ainda que dê pra vocês dois.” E a aceitação, afinal, é quando você repete, o tempo todo pra si mesmo “vai passar, vai passar… Não, não chore agora, vai passar.” Mas, antes de dormir, você simplesmente não se segura. Tudo que você evita durante o dia caí em cima de você, e você cede, mesmo sabendo que é errado se entregar a dor. E aprender a conviver com a dor e sem o amor é como aprender a andar. Dá um medo filho da puta. Às vezes você dá um passo maior que a perna e caí. Ou então, caminha alguns metros sozinho, acha que está conseguindo… Vem um vento um pouco mais forte e te derruba. Mas, finalmente, você aprende. Você, de alguma forma, cresce com as quedas. E, eventualmente, os dois irão encontrar o seu caminho de volta, mesmo que não seja tão simples… E talvez, algum dia por aí… Eles se encontrem.Encontrem a explicação. Quem sabe algum dia eles conversem de verdade e nãoapenas se falem.

Vinícius Kretek.

domingo, 1 de maio de 2011

''Mas às vezes, não importa o quanto você ame alguém, ela simplesmente não pode te amar da mesma maneira''.

sábado, 30 de abril de 2011

O tempo é capaz até mesmo de mudar alguns sentimentos. Uma hora o que se mais quer é matar alguém, e depois de um tempo, o ''grude'' volta. Pode parecer frescura, mas o amor ele faz isso.

Aninha B.

sexta-feira, 29 de abril de 2011

quarta-feira, 27 de abril de 2011

terça-feira, 26 de abril de 2011

E nada vai mudar o que eu sinto por vocês! Nem mesmo a distância. A maioria de nós estamos seguindo uma outra vida, e não mais juntos, mas quando se ama de verdade, a distância não quer dizer nada. Só nos dá força para acreditar que estaremos sempre juntos, mesmo que seja em pensamento. Cada momento que eu passo com vocês é uma alegria enorme, e vocês não imaginam o quanto que eu amo vocês. É raro, é amizade, é amor, é ETERNO!
"Ouça um bom conselho que eu lhe dou de graça: é inútil ir dormir porque a dor não passa."

Chico Buarque.
A decepção às vezes é preciso para se abrir os olhos e enchergar que a valorização só deve ser dada a quem vem sempre com uma reciprocidade. Pequenas coisas parecem ser muitas aos nossos olhos, mas quem vê a situação de longe percebe que não é nada demais. A ilusão é foda, velho.

Aninha B.

sábado, 23 de abril de 2011

''O meu pai diz que há dois tipos de garota... as que com o tempo te repelem e as que com o tempo te atraem. Espero ser do segundo tipo. Posso não ser a pessoa que você ama hoje... mas eu te deixarei ir por enquanto, esperando que volte. Porque por você vale a espera''.

Smallville.

quinta-feira, 21 de abril de 2011

''Não quero que fique com raiva, nem triste. Você mudou a minha vida. Vai mudar a de muita gente. Prometa que nunca vai desistir''.

Smallville-2ª temp.

terça-feira, 19 de abril de 2011

Quando não houver mais razão
e tudo não passar de uma ilusão
Acredite! Sonhe!
Quando não houver mais vontade
se agarre no futuro.

Quando você olhar pra frente
e não enchergar ninguém
conquiste a vontade de alcançar.
E quando a tristeza bater, siga adiante
enfrente o medo pra vencer.

A esperança é a última que morre
e se nem ela mais existir,
tenha sonhos de uma criança,
isso vai passar, vai mudar.

A caminhada pode ser dura, difícil e com lembranças pesadas. Mas lembre-se: há sempre quem está contigo, uma pessoa que te ama mesmo com todos os teus defeitos, que é feliz pelo simples fato de te vê ali. Momento é momento, e a caminhada terá um fim! Não deixe de acreditar.

Aninha B.

Andam falando por aí que o amor irá acabar em breve. Inclusive, andam falando que o amor está sendo banalizado, estragado, pisado e mal usado. As pessoas não entendem que o amor é um sentimento tão nobre, tão... lindo, tão gostoso. Talvez, deveríamos enchergar por outro ângulo... o amor precisa ser conquistado, o amor existirá até o fim! Ele estará ao redor apenas das pessoas que os querem, das pessoas certas. Não adianta fingir, porque uma hora ou outra ele desmorona. Confiar no amor não é sinônimo de felicidade. Devemos ter o prazer de sentir a felicidade ser construida aos poucos, acreditar que o amor é capaz de renovar, é capaz de nos fazer sonhar e isso nunca vai acabar! Haja o que houver.

Aninha B.
"Um dia a lágrima disse ao sorriso: invejo-te porque vives sempre feliz. O sorriso respondeu: ingana-te pois muitas vezes sou apenas o disfarce de tua dor."

segunda-feira, 18 de abril de 2011

E quem foi que disse que o amor não existe?

Lembranças- Fatale.

No silêncio das cinco ele acorda e tudo parece já tão distante,
A tristeza de ter que deixar tudo aquilo que viveu pra trás,
Lembranças...
Com o sonho na estrada, o corpo cansado o tempo parece parar,
E uma névoa seguindo seus passos, faz parecer sempre o mesmo lugar,
Vai meu irmão! Não deixe o destino pra trás!

Não vá... Dizer que seu sonho termina aqui,
O tempo vai te mostrar, um novo caminho pra te guiar.

Seja lá quem escreva os caminhos, deixe o final pra que você o faça.
Não se prenda ao presente viva o futuro e não olhe pra trás.
Lembranças...

Não vá... Dizer que seu sonho termina aqui,
O tempo vai te mostrar, um novo caminho pra te guiar.

Vai! Buscar um pouco mais!
Do que a vida traz!
Esperar é a fraqueza de todos mortais!
Que deixam de viver por não acreditar....!
Uooou...Dai!! Ao sol um novo lar!
Ao céu um novo mar! À vida a alegria de não se entregar!
Que um dia você vai, sem medo acordar...
Em um mundo onde a estrela é você!


domingo, 17 de abril de 2011

Sabe o que é? se apegar ao que não se deve faz com que eu viaje. E não importa o que venha a mim, não importa as chances que eu tiver, não importa as coisas bonitas que me falarem, eu sempre estarei ''presa'' a esse apego. É um caminho sem volta. Uma hora eu falo, ''acorda, porra'' e não adianta de muita coisa. São segundos pensando em mudar e horas me conformando... achando que algo vai mudar. Mas eu esqueço que quem faz uma vez, não faz necessariamente duas. Mas que faz dez, com certeza faz onze.

Aninha B.
Às vezes a oportunidade chega a nossa porta e a gente desperdiça. Não por não querer, mas por não vê. A cegueira faz com que a gente só reclame, achando que nunca teremos chance, que nunca sairemos do lugar por não ter oportunidades. Sendo que não vimos que ela passou na nossa frente, quase que nos comendo.

Aninha B.


sexta-feira, 15 de abril de 2011

''Dificil, não é lutar por aquilo que se quer, e sim desistir daquilo que se mais ama. Eu desisti. Mas não pense que foi por não ter coragem de lutar, e sim por não ter mais condições de sofrer''. (Bob Marley)

terça-feira, 12 de abril de 2011

Sabe quando você insiste em uma coisa que no fundo sabe que não vai dá mais certo? Em certa parte eu tenho orgulho porque eu estou lutando pelo que eu quero, e algumas vezes sinto que estou fazendo a minha parte. Mas por outro lado, eu também sei que estou enganando a mim mesma. Às vezes a gente precisa deixar o passado guardado em uma caixinha, e manter ali apenas as lembranças boas, aquelas que nos fazem ser o que somos hoje. Abandonar as coisas usadas não é ser covarde, é olhar pra frente e enchergar um futuro melhor. É vê que ao decorrer do tempo, a vida pode traçar rumos diferentes, e que às vezes, é necessário o sacrificio. Talvez o futuro me espere com algo melhor e talvez mais a frente eu consiga finalmente entender o significado das coisas.

Aninha B.

domingo, 10 de abril de 2011

Preciso me re-achar.

Eu me perdi. E digo, é doloroso... estou sem ações, sem reações, sem anseios, sem objetivo. É mais ou menos assim: Você tem um grande sonho, e está preste a realiza-lo, quando... o chão desmorona e você perde tudo. Todos os traços e vestígios viraram fumaça, e com o tempo some. Entende agora? Estou me sentindo pequena, insegura, confusa e rejeitada. Algo tipo uma febre, que vai enfraquecendo o teus corpo, e te deixa indefeso. Estou vendo a minha frente só o necessário, e vivendo só delas.

Talvez a alma possa ser comparada com algumas perguntas sem respostas. Cada um tem um jeito de interpreta-las, ambas são coisas individualmente sentidas.

Aninha B.

sábado, 9 de abril de 2011

E você me pergunta, qual o problema? Sabe qual é o problema? É a saudade que ficou de você, são as esmagadoras lembranças do seu sorriso e daquele seu olhar de criança. O problema? O problema é que quando eu deito eu não consigo dormir, é que quando eu olho pra chuva eu choro, mas não por chorar, eu choro por achar que não fui boa o suficiente pra te merecer; O problema é achar que eu não te mereço, é ter vontade de me trancar em um quarto e nunca sair, pra que as pessoas não me perguntem de você e eu tenha que dizer “Ah já passou.” Não, não passou, está tudo aqui, real dentro de mim. O problema é que eu ainda te amo demais.

(Mariane Souza)
É importante que você faça o que tem que fazer o quanto antes. Ninguém sabe o dia de amanhã. Hoje você sabe que aquela pessoa está ali, mas quando você menos esperar, ela pode não estar mais. O arrependimento não adianta de nada, e o que você queria tanto falar, você não falou. Nem tudo é como a gente quer, e mesmo que sem querer, a gente acaba perdendo pessoas que nos fez tão bem. É complicado e doloroso mas é a realidade.

Aninha B.
Amber diz: Desce!
House: Não posso.
Amber: Por quê?
House: Porque aqui não dói... e eu... eu não quero sentir dor... não quero ser infeliz.

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Interessante é vê as pessoas culpadas tentando tirar o seu da reta. Mais interessante ainda, é vê o seu poder de manipulação, fazendo quem não tem nada a ver se sentir culpado. Capacidade e a falta de sentimentos tem e na hora ''h'' não demostra um arrependimento. Faça o que quiser, mas pelo menos tenha a coragem de admitir que está errado. Isso não tira a dignidade de ninguém, muito pelo contrário.

Aninha B.

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Na merda.

A vida é um tanto quanto inusitada. As coisas acontecem tão rápido que eu não consigo nem captar. Talvez eu não tenha a qualidade de pegar as coisas no ato. Eu minto. Você mente. Nós mentimos. A palavra ''para sempre'' a partir de hoje será excluida, porque toda vez que eu as pronuncio, algo dá errado. Não dá pra prometer nada. Foda é quando tu não para de pensar em alguém, e esse alguém não tá nem aí pra você. Preciso de algo novo, mas é como eu sempre digo, tudo o que acontece comigo, demora pra mudar.

Aninha B.
Eu aprendi que não importa o quanto doa, tu tem que seguir com a cabeça firme, sem olhar para trás. O resto vem depois, quando os vestígios são apagados. É assim que se faz. A teoria já tá pronta, só me falta a prática.

Aninha B.
Estou começando a vê que sou muito mais complexa do que parecia. Me afastar das pessoas no príncipio é estranho, chego até a me sentir vazio. Mas depois de um tempo eu percebo que não faz tanta falta assim, e que TUDO passa. Às vezes eu esqueço que o que eu preciso pra sobreviver é muito maior e está aqui dentro de mim mesmo. Na verdade o complexo sou eu mesmo que faço e viver bem só está dependendo de mim.

Aninha B.
Às vezes a gente precisa mesmo deixar algumas coisas livres. Como prender algo que um dia você ensinou a ser liberto? Muitas vezes a vida é feita de sacrificios, e para poder passar em uma ponte preste a cair, a gente precisa abandonar todo o peso e deixar apenas o do nosso corpo. Talvez, ao passar por ela você consiga uma substituição, mas talvez... você quebre a cara. Tem que arriscar. Pelo menos uma coisa é certa: tua vida muda.

Aninha B.
Eu sempre tento fugir dos apegos. Falo dos sentimentos. Porque é horrível quando tu aos poucos, deposita toda a tua confiança na pessoa que tu tanto ama. Eu não sei se acontece com todo mundo, mas comigo já é de praxe sempre me dá mal. Toda vez que penso que tudo está caminhando bem eu me estrepo. Eu sei que confiança é uma questão de merecimento, sendo que as pessoas também machucam, e também traem a confiança. O pior é que não dá pra ficar no meio terno. Ou tu confia, ou não confia.

Aninha B.
Quando você começar a se tornar vunerável em uma relação começe a mudar. Caso contrário, a tua parceira (o) vai pisar, pisar, pisar... e você vai voltar, voltar, voltar...

Aninha B.

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Eu preciso descarregar isso em alguma coisa. Tá me encomodando MUITO, me agredindo por dentro. Estou lutando com a razão e a emoção. Talvez eu tenha errado ao falar que procuro agir com a razão, porque só estou conseguindo sentir. Não me fale que é exagero, porque só quem sabe é quem sente.

Aninha B.
Tudo bem. Tudo era tão novo e já passou por mim, como eu fui tão bobo e não vi mudar, todo o seu jogo não foi tão ruim; mas não tente de novo, eu não sei jogar. Escorreu no rosto o que restou de ti, foi quando o tempo resolveu parar."Tente me entender" foi tudo o que eu li, nunca foi parte dos teus planos aceitar, nunca fiz parte dos teus planos de tentar. Só me diga, me diga que não passa de mentira, me diga, não minta que isso tudo é apenas ilusão, me diga, que sabe o que fazer da sua vida, me diga, mas não diga "não". Corte os laços, desate o nó, jogue fora os pedaços, transforme em pó, quem sabe assim você pode lembrar; apague o rastro por onde passou porque quero fugir que você deixou. Tudo que eu não esqueço mais... Me diga "Sim".

Esteban Tavares.
''Sempre desejei me doar em uma relação por inteira, e eu acho que isso aconteceu''.

Se arrependimento matasse eu jamais teria pronunciado essas palavras. Aliás, as palavras não querem dizer nada, as palavras mentem. O que aconteceu foi que eu me doei de verdade, por um tempo tão curto. É como todos falam, o problema é que eu sou avassalora DEMAIS quando quero.

Aninha B.
Eu só aceito a condição de ter você só pra mim. Eu sei, não é assim, mas deixa eu fingir... e rir.

Los Hermanos-Sentimental.

domingo, 3 de abril de 2011

Pensamentos a solta.

Eu só posso falar que eu esperava por isso. De uma forma ou de outra as coisas no final sempre tem que dá errado pra mim. Eu já estava acostumada, o problema é que eu não lembrava que doia tanto. É como formar um castelo de areia e vim a água derrubar. Talvez eu não quis enchergar que só eu doei de mim, e não recebi nada. Só tenho uma coisa pra falar: eu não tinha muito o que dá, mas justamente o pouco que eu tinha era teu.

Aninha B.

sábado, 2 de abril de 2011

Life, history, reason, another world. ♥
Sinceramente se não existir a esperança nada mais existe. É ela que nos mantem muitas vezes vivos. É ela que nos faz olhar para frente e deixar o que está atrás em seu lugar, endireitando nosso caminho. Muitas vezes a gente esquece que as coisas talvez não serão como a gente quer, mas que com o tempo, se fizermos por onde, isso pode mudar. Muitas vezes assisto pessoas falando que a sua vida não muda, dai eu fico me perguntando ''como tu quer que algo mude se tu tá aí parado?'' para que haja uma mudança na tua vida, dá o primeiro passo com esperança, fé, que o resto vem depois.

Aninha B.

quarta-feira, 30 de março de 2011

"Que doce mistério é este? Eu quem sou, e tu quem és? Tu... toda a luz de minha alma: eu a sombra dos teus pés."

terça-feira, 29 de março de 2011

''As pessoas consomem demais acreditando que vão preencher vazios que nunca se preenchem''
''Tudo o que acontece na nossa vida tem um motivo e muda a gente.''
Eu acredito nas pessoas, inclusive no amor. Acredito naquele amor a distância, no incompreendido, no sofrido, no vencedor, no perseverante e até no recente. Só não coloco pilha no amor não demostrado. O amor tem que ser exposto, tem que ser livre. Pra ser amor tem que acreditar e não ter medo.

Aninha B.
Da mesma forma que é uma expectativa enorme quando o que tu mais quer no momento não pode ter é angustiante. Doi às vezes querer muito uma coisa por perto quando na verdade ela tá do ou tro lado. O sentimento só aumenta e a saudade é inevitavel. Como sentir falta de algo que nunca foi seu por completo? Eu não sei, mas realmente chega a ferir e ao mesmo tempo querer mais e mais.

Aninha B.

domingo, 27 de março de 2011

Quando a felicidade faz uma aparição como convidada especial na vida da pessoa, é importante aproveitá-la ao máximo. Pode não ficar por muito tempo e, quando for embora, não será terrível pensar em todo o período no qual se poderia ser feliz foi desperdiçado com preocupações sobre quando isso aconteceria?

Melancia-Marian Keyes.
''Às vezes, você conhece uma pessoa maravilhosa, mas apenas por um rápido instante. Talvez em férias, num trem ou até numa fila de ônibus. E essa pessoa toca sua vida por um momento, mas de uma maneira especial. E, em vez de lamentar o fato de ela não poder ficar com você por mais tempo ou por você não ter a oportunidade de conhecê-la melhor, não é mais sensato ficar satisfeita por ter chegado a conhecê-la um dia''?

Melancia-Marian Keyes.

(...) Antes de deixa-lo ir!

O que importa é que eu tenho você por perto. Por perto literamente, claro. Nós sabemos que tudo foi muito repentino, e que você chegou de uma forma muito inesperada. Eu não acredito muito em destino, mas agora eu vejo que tenho que rever meus conceitos... acho que estive errada. Eu sempre esperei por isso, acredita? Sempre esperei por algo que me tirasse o fôlego, sempre desejei amar intensamente. Sempre desejei me doar em uma relação por inteira, e eu acho que isso aconteceu. Por incrível que pareça, você está acrescentando a cada dia felicidades em mim. Andas me fazendo bem, de uma forma que nunca estive. Eu estou em paz, a palavra é essa. Eu quero que saiba de uma coisa: Nada importa mais. Sabe por que? tudo o que anda acontecendo com a gente, estará guardado em mim pelo resto dos meus dias, acredite. Se de alguma forma você pudesse sentir metade do que eu sinto por ti, seria de bom tamanho... assim tu iria vê que realmente é verdadeiro. É algo que realmente veio para ficar. Eu estou apaixonada por você, e espero que você saiba qual motivo que me faz rir nesses ultimos dias.

Aninha B.

sábado, 26 de março de 2011

Eu acho interessante a energia que os cantores transmitem quando estão no palco. É uma coisa avassaladora, uma alegria constante que se passa para todas as pessoas. E é naquele momento que eles reconhecem sua verdadeira função, e todos seus desejos são verdadeiramente acessos, mesmo que seja por pouco tempo.

Aninha B.

sexta-feira, 25 de março de 2011

Aquilo que se diz clichê.

O amor é algo realmente muito lindo. É algo diferencial, sublime, saudável, espontâneo. Sinceramente é uma coisa muito gostosa de se sentir. Quando você está amando você encherga as coisas com outros eixos, com outros seguimentos. Você acaba deixando as coisas de lado, acaba se preocupando menos e aproveitando cada momento. É como o Tavares diz: ''O amor não é complicado. Complicado são as pessoas. O amor é apenas um sentimento''. Sendo que em TODA relação, sempre tem uma pessoa que doa mais, que se entrega mais. Sempre tem alguém que acaba se ferindo, sempre tem alguém que relaxa demais. Eu vou morrer e nunca falarei em apenas uma palavra o que é o amor. Não é para todos essa palavra. Algo que tantos banalizam, algo que tantos não respeitam, algo que tantos acham que não passa de uma coisa normal e que todos sentem. O final é triste, porque também irá ter um que amará ainda. Haverá um que sofrerá, um que chorará e pensará dia e noite em tudo o que aconteceu. Uma história a qual esperava ir de longo prazo, foi seguida de pouco tempo. Foda é quando tu olha pra essa pessoa, e vê que poderia ter sido diferente. Que poderia ter sim construido uma história. Foda é quando tu quer abraçar aquela pessoa e chamar de meu, mas o máximo que pode fazer é olhar de longe. O amor é importante, e sim, pode-se haver a morte da alma.

Aninha B.
Eu sinto que ainda falta algo, e que eu ainda não estou completa. Não que eu esteja pela metade, até porque nasci inteira, mas é como se eu estivesse com um vazio, um vazio que... não é preenchido.

Aninha B.
Às vezes eu escuto coisas que eu não queria ouvir. E apenas fico ali, calada, quieta... mas isso não me incomoda, o que me incomoda é saber que essas palavras que me machucaram sairam da pessoa que eu daria tudo. Tudo mesmo.

Aninha B.

domingo, 20 de março de 2011

Eu não gosto dos limites. E aparentemente de nada que me rotule. Para mim as pessoas que impõe os seus limites não sabem o que é ter o prazer de sonhar grande, de acreditar sem desistir e vê até onde é capaz de ir. O limite é para aquelas pessoas que seguem as regras, que pensam pequeno. E eu com certeza não sou assim.

Aninha B.
O problema é que as pessoas só querem o que elas querem. E que se foda o resto. Ô mundinho de cão esse hein.

Aninha B.

terça-feira, 15 de março de 2011

A incapacidade de sentir tem suas vantagens... às vezes.

Dexter.
Eu confesso que às vezes começo a observar as pessoas e os sentimentos que elas carregam. Confesso também que é muita informação para mim. Ou as pessoas são muito intensas, ou eu sou seca demais. Na verdade até queria sentir um pouco do que elas sente. O problema é que quando olho fixamente em seus olhos, vejo tristeza, desespero, amargura e a falta de reciprocidade.

Aninha B.

sábado, 12 de março de 2011

Amor, desejo, confiança, dúvida, paixão, esperança, felicidade, sorriso, tristeza, paixão, ódio, lágrimas, sonho, satisfação, pessimismo, coragem, força, fé, vaidade, sofrimento, vontade, ilusões, versos, dizeres, palavras e ações. É, talvez ninguém nunca entenda.

Aninha B.

quarta-feira, 9 de março de 2011

O amor tem suas artimanhas. Para mim, vai muito de sorte também. Pode existir um caminho sem volta depois. É como está em um mar aberto sozinho e se afogando.

Aninha B.

Uma porção de coisas.

Existe sim o amor, mas nem todos são capaz de fazê-lo.
Existe sim a saudade, mas muitos confundem com o medo de esquecer.
Existe sim o ódio e muitos deixam-se corromper por ele.
Existe sim a mágoa e muitos guardam-a consigo.
Existe sim a vida porém muitos esquecem de vivê-la, querendo as coisas fáceis demais.

Se contigo não deu certo, não significa que não exista. Bem como muitas vezes acontece comigo.

Aninha B.

segunda-feira, 7 de março de 2011

Todos temos problemas. E o engraçado é que quase sempre há algo que nos ''apoia''. Esse algo faz com que esqueçamos tudo o que estamos vivendo, fazendo com que a gente fique completo por um determinado tempo. E é isso que me encomoda. Ser pessimista talvez seja um dos meus piores medo. Tenho um grande problema e ele é sofrer antecipadamente.

Aninha B.
Há sempre um receio e um pé atrás. Mas dessa vez não ouve nada disso. Me entreguei por inteira.

Aninha B.

domingo, 6 de março de 2011

Eu realmente nunca esperei sentir o que estou sentindo por ti. Eu e você sabemos que tudo isso foi inesperado. Se você me perguntar com detalhes o que se passa na minha cabeça quando falo contigo, eu não saberia responder. É uma mistura de sentimentos. Você realmente veio na hora certa, e tomou conta de tudo. Quando me deparei com tudo o que estava acontecendo confesso que me assustei, porque em pouco tempo eu já estava apaixonada e tinha medo de não ser recíproco. O que eu tenho pra te dizer é que eu espero que você chegue pra ficar. E que eu preciso de você.

Aninha B.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

''Segundo meu professor, 70% do nosso corpo é água. Será que dá pra se afogar na gente?''

Desenrola.

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

''O verdadeiro amor não traz consigo sofrimento, egoísmo, ciúmes ou orgulho. Amar é dar o melhor de si pela pessoa amada, sem necessidade de propriedade ou retribuições. Quem ama confia, respeita e perdoa.''

domingo, 30 de janeiro de 2011

A eternidade nunca acaba.

Agora que tudo acabou, por quê não paro de chorar? Um corpo agora sem alma está perdido na eternidade, e por mais que o tempo passe, nada há de mudar. Pra quê desafiar o destino quando ele faz uma história percorrer em estradas com poucos quilômetros? Por quê te dão uma taça transbordando de sentimentos quando não será necessário nem um terço? E quando tudo acabar, o que fazer com o que sobrou? Tudo se transforma em grandes cicatrizes de saudade, e agora me responde, o que eu faço com a eternidade?

Aninha B.

sábado, 29 de janeiro de 2011

''As mentiras são uma pequena fortaleza onde você pode se sentir seguro e poderoso. Dentro de sua pequena fortaleza de mentiras você tenta governar sua vida e manipular os outros. Mas a fortaleza precisa de muros, por isso você constrói alguns. Os muros são as justificativas para suas mentiras. Você sabe, como se estivesse fazendo isso para proteger alguém que você ama ou para impedir que essa pessoa sinta dor''.

Livro- A cabana.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

My pain is to think that maybe you'll never be over here, that all this time here still, it was no use. I wish I could say some things, but it is at these times that the words disappear and everything is transformed in just heartbreak. Maybe I'm so selfish that you do not want to let go, for the simple pleasure of trying to extract all that is in me. And it's so tense, so ... depressing, so ... sad that you would not feel in any moment.

Aninha B.

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Coisas antigas.

Quando estamos no presente, e planejando um futuro, sempre tem o passado pra atrapalhar. Algumas escolhas do mesmo, poderia ter sido pontos fraco para atingir nossa capacidade de resistência. Por um lado, isso é bom, porque... quando tu tá querendo fazer algo, tu já sabe aonde deve ir, já sabe até que ponto pode ir para não cair. Mas por outro lado, tu acaba quase se deparando com novas coisas ruins, e que poderia ter te atingido, fazendo-te cair, sem previsão de uma nova andada.

Aninha B.

Vira volta.

Ao anoitecer, estou sempre lembrando do que se passou. Aos poucos, estou vivendo em um quartinho fechado, onde só cabe a mim dentro dele. Algumas dependências do passado, estão interferindo no meu presente, como se estivesse uma pedra no meu caminho. Estou tendo consequências, pois, não consigo mais enchergar tudo do jeito que era. Talvez eu já nem sou mais a mesma, e quando falo isso, é de verdade.

Aninha B.

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Viagem no tempo. Parece ficção científica, mas, de certa forma, viajamos no tempo todo dia. Uma lembrança da infância pode nos levar ao passado. Um desejo pode nos lançar rapidamente ao futuro. O difícil é ficar planta no presente, no aqui e no agora. Navegar nas lembranças pode ser uma viagem e tanto. E talvez seja verdade que a mente, como todo viajante esperto, sabe onde é seguro ir e onde não é. Pelo menos até certo ponto.

Samantha Who?
A chance de recostruir a vida do zero dá um trabalho enorme. Especialmente quando há rachaduras no seu alicerce. Mas uma ferramenta importante é o respeito próprio, ser capaz de se olhar no espelho e gostar do que se vê. Uma forma de costruir respeito próprio é tentar se cercar de pessoas que tanto você admira e que também admira você. Mas, no fim do dia, não importa o quando outra pessoa goste de você, você precisa se respeitar, precisar poder se olhar no espelho.

Samantha Who?

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

''Se for pra esquentar que seja ao sol. Se for pra enganar, que seja o estômago. Se for pra chorar, que se chore de alegria. Se for para mentir, que seja a idade. Se for pra roubar, que se roube um beijo. Se for pra perder, que se perca o medo. Se for pra cair, que seja na gandaia. Se existe guerra, que seja de travesseiros. Se existe fome, que seja de amor. Se for pra morrer, que seja de rir. Se for pra ser feliz, que seja o tempo todo''.

Ah se tudo fosse assim...

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Esses dias eu estou tão longe de mim... sinceramente eu não sei mais o significado de algumas palavras. Alguns traços me vem a mente, aquela felicidade antiga, e a felicidade alheia que tanto é invejada por mim. Vai vê é por isso que sou tão fechada, tão seca, tão fora de mim. E Talvez isso nunca mude. Preciso de um pouco mais.

Aninha B.

sábado, 15 de janeiro de 2011

Entre palavras.

Bob: E o que você faz quando eu vou embora?
Patrik: Fico esperando você voltar.

Foi dai que eu acabei tomando inspiração. Estava pra sair algumas palavras minhas, mas faltava um empurrão. É tão bom acreditar que o amor existe realmente. As pessoas sempre falam que o amor é MUITO importante, e que sem ele não andamos muito. Mas as pessoas não entende que nem todo mundo está nos melhores dias, e para saber que o amor existe, precisamos está sentindo o coração pulsar forte, um sorriso ao decorrer do dia bobo e sem sentido, uma soadeira na mão e vários outros fatores. Ter alguém que balança o teu coração, alguém que mal sai e você já quer que volte, alguém que você espera o quanto for preciso, alguém que faz os teus dias ter cor é um dos melhores sentimentos que se pode ter. É algo mágico, esplêndido, deslumbrante, inexplicável.

Aninha B.

domingo, 9 de janeiro de 2011

Cheguei a conclusão de que as palavras tem realmente poder. Quando a gente fala ''vou te amar pra sempre'' ou ''eu te amo e meu dia só terá graça com você por perto'' isso realmente acontece. E está acontecendo comigo.

Aninha B.

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Brother.


Eu nunca falei, nunca escrevi, o que realmente você é para mim. Na verdade, mesmo que eu escrevesse milhões e milhões de frases, não chegaria a um terço do que realmente você é. Falar de você é meio difícil, porque quando eu olho pra você, só vejo qualidades. Ninguém nunca substituiria o amor que eu sinto por você, cara. Ter você nos meus dias me torna uma pessoa incrivelmente feliz, e saber que és meu irmão... ah, isso é um privilégio que só eu tenho. Queria que com poucas palavras soubesse que eu realmente te amo muito, e que igual a você eu NUNCA vou achar. Ontem, o que eu fiz por você, eu faria quantas vezes fosse necessário, e para mim, ainda foi MUITO pouco. Podes contar comigo para o que der e vinher, porque tu sabe, a gente é parceiro. Tenho muito orgulho de falar para as pessoas o que és meu, e de conviver a cada dia contigo, aprendendo mais e mais. Nunca mude por ninguém, seja sempre o que és! E dentro de mim, há um lugar que só tu preenche. Eu te amo muito, Gustavo.


Aninha B.